sexta-feira, 29 de abril de 2016

Programa de incentivo cultural deve reduzir o estresse de professores no Maranhão

A educação é um dos principais pontos que formam a base da sociedade. Na escola professores e alunos se revezam em uma incessante troca de conhecimentos, que forma cidadania, capacita e norteia pessoas ao mercado de trabalho.

Muitas responsabilidades são atribuídas aos professores. Planejamentos de aula, preenchimento de diários das aulas com os conteúdos abordados sob a tensão de não rasurá-los, participação de reuniões com pais, reuniões internas e com grupos de estudos para manter-se atualizado e em constante formação, fazem parte da rotina de um educador. O profissional ainda leva trabalho para fazer em casa, como elaborar provas, trabalhos, projetos articulando os conteúdos da grade curricular obrigatória, adequando-os aos temas transversais e etc.

Toda essa carga de informação e relações com pessoas de personalidade diferente fica quase impossível evitar o desgaste da rotina, cansaço e o tão perigoso estresse. Mas o entretenimento e participação em eventos culturais podem ser a saída para reduzir o estresse. Essas são excelentes ferramentas que ajudam a ampliar a leitura do mundo e isso, certamente, se refletirá na sala de aula com melhor desempenho do educador.

Segundo o neuropsicanalista Fabiano Goes, quanto mais prazer à pessoa tem, menos ela se detém aos problemas que acontecem no dia a dia e estará livre para se dirigir ao conhecimento. “Se houver entretenimento na vida do professor, a psique dele estará liberado para lhe dar com questões de ordens existenciais e poderá se dedicar ao desenvolvimento de questões de ordem intelectual,” disse o neuropsicanalista.

Pensando no desenvolvimento da educação e no desempenho dos professores na sala de aula, o vereador Armando Costa (PSDC), o Vereador Comunitário, protocolou junto à mesa diretora da Câmara Municipal de São Luís, uma indicação solicitando ao Governo do Estado, por meio da Secretaria de Educação (SEDUC), a criação de um programa de incentivo cultural a professores do Maranhão.

O objetivo do programa é garantir desconto de meia-entrada para os educadores em sessões de cinema, teatro, shows e eventos culturais realizados no estado. Segundo Armando, o desconto vai incentivar os professores, que muitas vezes recebem baixos salários, a participarem de eventos. “O entretenimento permite relaxamento e vai diminuir a carga de estresse gerada pela rotina dos professores. Dessa forma, o desempenho deles na sala de aula deve melhorar. Com professores sem esses transtornos, o ensino será propagado de forma mais ampla entre os alunos,” destacou o vereador.

Ainda de acordo com Fabiano, quanto mais participação um professor tem no universo  cultural, mais conhecimento e habilidade para executar seu trabalho ele desenvolve. A criação do programa irá melhorar o psicológico dos professores, além de fazer com que os alunos tenham ensino de qualidade. A melhoria da educação também faz parte do cronograma de atuação do Vereador Comunitário, que trabalha diariamente buscando soluções para os problemas mais recorrentes em São Luís.

0 comentários:

Postar um comentário